Motos Artesanais

Apaixonado por motos, paranaense cria réplicas do início do século XX
‘É como se eu voltasse no tempo e vivesse aquela época’, diz Hennemberg. Há um ano, aos fins de semana, ponta-grossense cria modelos por hobby.original_1
As motos originais eram usadas em corridas de velódromo dos anos 1913 a 1919 (Foto: Renan Hennemberg/ Arquivo pessoal)
Quem vê a infinidade de motocicletas disponíveis no mercado pode não saber como a linhagem delas começou. Por gostar tanto de motos e bicicletas antigas, o ponta-grossense Renan Hennemberg, de 27 anos, decidiu construir réplicas das motos de corrida de velódromo dos anos 1913 a 1919.
Hennemberg nasceu em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná, mas há cinco anos se mudou para Curitiba, onde trabalha como corretor de imóveis. Segundo o fã das motocicletas, a inspiração sugiu quando começou a assistir às corridas do veículo de duas rodas, dos anos 1910, 1920 e 1930. “Assisti todas as corridas de velódromo que consegui, mas existe, infelizmente, pouca coisa em vídeo da época”, relata.

montagemRenan faz as montagens em um pequeno estúdio
que criou em casa (Foto: Renan Hennemberg/
Arquivo pessoal)
Além disso, o corretor conta que sempre quis ter uma moto do tipo, mas por serem muito caras, algumas em torno de R$ 1 milhão, resolveu fazer adaptações e criar a réplica em formato de ciclomotor.

“Por mais que não seja uma original, a sensação de sair com a que fiz na rua já vale; é como se eu voltasse no tempo e vivesse aquela época”, ressalta.
Montagem
As construções são feitas em um pequeno estúdio que criou em casa. Ele conta que monta a réplica em um quadro similar ao da bicicleta e que para dar a modelagem são usados basicamente o ferro, a solda e o motor.
Uma das maiores dificuldades, de acordo com criador das réplicas, é quando não consegue encontrar alguma peça no Brasil e aí precisa adaptar as já existentes. “Essas peças adaptadas eu faço em uma oficina de um amigo”, acrescenta.
Por se tratar ainda de um passatempo, Renan leva em média quatro meses para terminar um modelo.

Os materiais usados para fabricação dos ciclomotores são basicamente o ferro soldado e o motor (Foto: Renan Hennemberg/ Arquivo pessoal)replicas_10Reconhecimento
Sair na rua nos dias atuais com uma motocicleta antiga desperta  a atenção das pessoas, conforme Hennemberg. “Elas ficam muito interessadas quando estou na rua de moto e alguns até me seguem e me param no sinal para tirar fotos”, enfatiza.
Dessa forma, chamando a atenção, é que o hobby está virando algo comercial. Ele, no momento, faz a montagem de três motocicletas que foram vendidas em um encontro de motociclistas, em Curitiba. Os preços variam entre R$ 4,5 mil e R$ 5,5 mil, tudo depende do motor.
Regulamentação
De acordo com o Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR), para pilotar um desses modelos, é necessário possuir CNH na categoria “A” ou a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC). Além disso, o condutor precisa usar capacete.
Quando se trata dos veículos, conforme informações do Detran, eles precisam estar registrados, licenciados e emplacados. Isso vale para os ciclomotores produzidos a partir de 31 de julho de 2015. Os que foram feitos antes dessa data podem circular apenas se o fabricante tiver feito o pré-cadastro no Renavam, com código, marca, modelo e versão.

Para fabricar uma réplica, Hennember demora em torno de quatro meses (Foto: Renan Hennemberg/ Arquivo pessoal)replicas_5

Para pilotar um ciclomotor é necessário usar capacete e ter CNH na categoria ‘A’ ou Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC) (Foto: Renan Hennemberg/ Arquivo pessoal)replicas_4_ztgi96v

Fonte-Mariele Morski-G1 PR

Anúncios
Esse post foi publicado em Antiguidades, Entretenimento. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s