A Arte De Viver em Okinawa

Ikigai é uma palavra japonesa, deriva de IKI, que significa vida e KAI, realização de desejos e expectativas (生き甲斐) .

Você provavelmente já ouviu falar sobre a ilha de Okinawa, no Japão. O lugar ficou conhecido por ter a maior população de pessoas acima dos 100 anos no mundo inteiro. Mas não é apenas o segredo da longevidade que seus habitantes guardam: eles também podem nos ensinar a arte da felicidade. De acordo com os japoneses, todos têm um IKIGAI. E descobrir qual é o seu requer uma profunda e, muitas vezes, extensa busca de si mesmo. Porém, essa busca é extremamente importante porque, somente a partir dela, é possível trazer satisfação e significado para sua vida.okuma-sarah-straus-1-of-1

Os escritores Héctor Garcia e Francesc Miralles viajaram a Okinawa para desvendar o segredo de sua população e entender como seus habitantes vivem tanto e tão bem. O resultado se tornou o livro Ikigai – Viva bem até aos cem. Durante sua estadia, os autores reuniram os 10 principais mandamentos para a felicidade praticados pelos centenários da ilha – e a gente conta um pouco sobre eles abaixo.

1. Manter-se ativo

Mesmo após a aposentadoria, os idosos de Okinawa continuavam ativos, muitas vezes trabalhando ou dedicando-se a um hobby. Essa ideia se resume pelo conceito de Ikigai, que seria definido como uma razão para se levantar todas as manhãs.razoes-para-viver-ate-os-100-anos-1

2. Vá com calma

Se estressar só faz mal à saúde. Por isso, os moradores de Okinawa sabem que um dos segredos da vida é justamente fazer cada coisa no seu tempo. Dormir bem, manter o ambiente ao seu redor em ordem e praticar meditação são algumas das práticas comuns para desacelerar.567fec3f00ae8ab0b9fc5b5a85a37fef

3. Coma menos

Com uma dieta rica em tofu, batata-doce, peixe e vegetais, os centenários têm ainda outro hábito em comum: eles evitam comer até estarem cheios. Segundo o livro, eles geralmente param de comer quando sentem que estão 80% satisfeitos, fazendo com que o corpo acelere a oxidação celular para uma digestão prolongada.goya-shampuru

4. Amigos

Em Okinawa, é comum que as pessoas formem laços fortes dentro de sua comunidade, como se fossem uma verdadeira família. Amigos verdadeiros são as melhores coisas que podemos ter na vida. São como um remédio que nos ajudam a esquecer as preocupações e nos apoiam nos momentos mais conturbados das nossas vidas. Ao lado deles, podemos “contar e ouvir histórias que nos façam sorrir, pedir conselhos, nos divertir juntos, compartilhar sonhos, … enfim, viver”.

No Japão, as comunidades criam associações para que os habitantes estejam mais próximos uns dos outros e possam praticar atividades juntos, criando um forte vínculo de amizade e cooperação entre eles. O sentimento de segurança que a amizade proporciona, contribui para uma maior satisfação pela vida e evita doenças tais como a depressão

okinawa
5. Contato com a natureza

A maioria dos moradores da ilha possui uma horta ou mesmo uma pequena plantação de mangas ou chás. Com isso, eles se mantêm em contato com a natureza por mais tempo.“Fomos feitos para nos fundirmos com a natureza”, garantem os dois autores. E precisamos estar em contato com ela regularmente, a fim de recarregar as “baterias”. Pra você ter uma ideia, existe até uma terapia muito famosa no Japão chamada Shinrin-yoku (森林浴), que consiste em um “banho de floresta” para relaxar e repor as energias vitais..15032329_650528911792072_6646008065910207526_n

6. Sorrir

Os centenários pesquisados pelos autores tinham um coisa em comum: eles costumavam passar os dias sorrindo, mostrando sempre uma atitude positiva perante à vida.razoes-para-viver-ate-os-100-anos

7. Exercícios

Não é preciso passar o dia na academia para se manter ativo. Em Okinawa, as pessoas evitam o sedentarismo e, com isso, acabam afastando também diversas doenças relacionadas à falta de atividades físicas.001_eisamatsuri_31-720x405

8. Gratidão

“Giri” (義理) é um conceito muito importante, que tem raízes no Bushido. significa algo como “dever social” e consiste na obrigação de retribuir às pessoas que lhe deram alguma coisa ou lhe prestaram algum favor.
O conceito de “Giri” está presente na sociedade japonesa há séculos, especialmente durante o Período feudal, onde os samurais tinham a obrigação de devolver favores aos outros como forma de manter a harmonia e a cordialidade em suas relações humanas e sociais.A prática  se estende até os dias atuais e permeia entre todas as relações sociais dentro da sociedade japonesa, seja entre professor e aluno, homem e mulher, amigos, família, negócios, etc.edu

Na região de Okinawa, as pessoas dedicam um tempo de seus dias a agradecer o momento presente, buscando eliminar as emoções negativas e  focar apenas no que há de bom.

9. Viver o agora

Ao invés de viver a vida sem refletir, os anciãos japoneses buscam focar justamente no agora, buscando a consciência plena de cada momento.okinawa-interna

10. Resiliência

Todos precisamos aprender a lidar com as dificuldades e dar a volta por cima, recuperando o sentido da vida. É sobre isso que trata a resiliência, uma atitude que nos permite focar no que é realmente importante para nós,a capacidade de superar a adversidade.terremoto-no-japao

Anúncios
Esse post foi publicado em Imagens do Japão, Impressoes do Japão. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s