Sobreviveu aoTitanic Para Ser Condenado

Naufrágio do Titanic – imagens da  LIFE

Nós todos sabemos  a história do Titanic – mas você sabia que um homem sobreviveu ao desastre apenas para ser condenado por não ter uma morte honrosa? Aqui está a história de um japonês solitário a bordo do transatlântico malfadado cuja sobrevivência, na verdade, tornou-se uma maldição:

RMS Titanic – Foto  abratis.de

masabumi-hosonoEm 1910,o Ministério dos Transportes do Japão enviou um funcionário chamado Masabumi Hosono à Rússia para estudar o sistema ferroviário do país. Hosono terminou a sua missão no início de 1912 e após uma breve parada em Londres, começou a próxima etapa de sua viagem para casa ,cruzando através do Atlântico no RMS Titanic. Em 14 de abril, às 11:40 horas, apos quatro dias em sua viagem inaugural, o Titanic colidiu com um iceberg, enquanto viajava próximo a velocidade máxima e começou a fazer água.(Foto: Cheddarbay.com)

RUDE DESPERTAR

É duvidoso que qualquer um no Titanic , que tinha sido anunciado pela White Star Liner como sendo ” praticamente inafundável “, soubesse que o navio tinha sofrido um golpe mortal. Havia muitas pessoas a bordo , que nem sabiam que o navio tinha colidido . Aqueles que notaram sentiram apenas uma leve tremor seguido pelo som dos motores  parando . Hosono aparentemente dormia durante a colisão . A primeira coisa que ele percebeu foi pouco depois da meia-noite , 25 ou 30 minutos após a colisão , quando foi despertado por uma batida na porta de sua cabine de segunda classe e disseram para colocar  seu colete salva-vidas . Três vezes quando tentou fazer o seu caminho para os botes salva-vidas , ele foi rejeitado por oficiais do navio , que lhe ordenaram para voltar aos níveis mais baixos do navio. Eles provavelmente assumiram que , como era uma pessoa japonesa , ele devia estar viajando na terceira classe , ou ” steerage “. Em sua terceira tentativa , Hosono conseguiu driblar um guarda e fazer o seu caminho para os botes salva-vidas.

No Escuro

O Titanic afundando ou  apenas flutuando morto na água, à espera de ser socorrido pelo transatlântico Carpathia ou um das meia dúzia de outros navios que tinham recebido seus pedidos de socorro e já estavam indo em seu auxílio?

Nós sabemos a resposta hoje, é claro, mas naquela noite fatídica apenas três homens no Comando do Titanic sabiam – Edward J. Smith, o capitão; Thomas Andrews, o projetista-chefe, e J. Bruce Ismay, presidente da White Starsmith-andrews-ismay

Eles sabiam não só que o Titanic iria afundar, mas também que  iria afundar bem antes da ajuda chegar. Guardaram a informação para si, temendo o pânico que faria com que os passageiros  debandassem desesperados para os botes salva-vidas, que  lotados só poderiam levar 1.178 dos mais de 2.200 pessoas a bordo . Mesmo os oficiais encarregados a organizar o carregamento dos barcos salva-vidas não tinham idéia de que o Titanic estava indo para baixo.

OBRIGADO … Mas não, muito

Reter estas informações ajudou a manter o carregamento dos barcos salva-vidas em ordem, mas, provavelmente, a um custo de centenas de mortes desnecessárias . Muitos passageiros e até mesmo muitos membros da tripulação, sem suspeitar da gravidade da situação , preferiram permanecer a bordo em vez de se arriscarem nos botes salva-vidas . Se você tinha reservado passagens de um navio que se dizia ser impossível de afundar , você estaria disposto a deixar seus arredores quente, seco e aparentemente seguro para subir em um pequeno  bote salva-vidas balançando no meio da noite e ser baixado em polias manuais 65 pés para baixo no oceano congelado ,  cheio de icebergs no Atlântico ? Mesmo com ordens do capitão para carregar mulheres e crianças primeiro, deve ter custado a algumas passageiras suas vidas, porque isso significava que as mulheres casadas estavam sendo orientadas a se separar de seus maridos , que muitas se recusaram a fazer. Além disso, porque a pressa? Quanto aos membros da tripulação que carregavam os barcos  , o Titanic não estava afundando . Os botes salva-vidas eram simplesmente  para transportar passageiros para o resgate.

Os membros da tripulação encheram os barcos com as pessoas que quisessem entrar, e depois baixavam para a água. No final, apenas três dos 20 botes salva-vidas do Titanic ficaram lotados quando afundou no Atlântico . Hosono deve ter percebido o que estava acontecendo mais cedo do que muitos dos passageiros , porque, estava ao lado do barco salva-vidas n º 10 . Haveria tempo de sobra para carregar mais pessoas para os botes salva-vidas depois, se não quisesse ir agora.

Ele já estava preparando-se para o fim. “Eu tentei me preparar para o último momento sem agitação , fazendo a minha mente pensar, para não deixar nada de vergonhoso para um japonês “, explicou em uma carta a sua esposa . ” Mas eu ainda encontrei-me procurando e esperando por alguma chance possível de sobreviver. ” Essa oportunidade surgiu momentos depois, quando o oficial de carga do barco n º 10 não conseguiu convencer mais mulheres ou crianças ir para dentro do barco . “Espaço para mais dois ! “, o oficial chamou. Hosono viu quando um outro homem saltou para o barco. “Eu me vi mergulhado em pensamentos desolados, que não mais seria capaz de ver a minha amada esposa e filhos, já que não haveria outra alternativa para mim do que para compartilhar o mesmo destino do Titanic “, escreveu ele . ” Mas o exemplo do primeiro homem a entrar me levou a tomar esta última chance . ” Hosono pulou , e em 1:20 ele e outras 34 pessoas foram baixados para a insegurança do mar em um barco construído para abrigar 65 .

Um dos botes salva -vidas levando sobreviventes .(Foto: The National Archives) 

MOMENTOS FINAIS

O Titanic , agora entrando muita água, teve apenas mais uma hora de vida. Oito dos 20 botes salva-vidas já haviam lançado e apenas um deles -o No. 10 do Hosono – estava cheio até a meio caminho de capacidade. ( O Lifeboat No. 1 foi lançado com apenas 12 passageiros onde cabiam 40) . Muitos dos passageiros ainda a bordo do Titanic estavam apenas começando a perceber que o navio ” inafundável ” podia realmente estar afundando . Quando o Titanic finalmente afundou as  2h20 , Hosono assistiu tudo do Lifeboat No. 10 . Ele descreveu a experiência em uma carta a sua esposa , que escreveu a bordo do Carpathia , que trouxe os sobreviventes para Nova York. “O que tinha sido uma tangível  visão graciosa  foi reduzido a um mero vazio . E como eu pensava sobre as vicissitudes inevitáveis ​​da vida .

DEPOIS DO RESGATE

Dos mais de 2.200 passageiros e tripulantes a bordo do Titanic , pouco mais de 700 sobreviveram, incluindo 316 das 425 mulheres e 56 das 109 crianças . Mesmo se todas as mulheres e crianças tivessem sido acomodados nos botes salva-vidas , ainda teriam  espaço suficiente para cerca de 700 dos 1.690 homens , mas apenas 338 homens sobreviveram . Nem todos os que pereceram fizeram isso porque  recusaram a oportunidade de subir em um bote salva-vidas  por altruismo. Mas isso certamente deve ter sido a causa de muitas mortes .

No choque e horror que se seguiu a um dos piores desastres em tempo de paz na história marítima , muitos desses detalhes sutis foram perdidos pelo público que lê  jornal – . Como eles argumentaram -se as 162 mulheres e crianças mortas , muitos leitores se perguntavam como 338 homens conseguiram encontrar seu caminho para os botes salva-vidas , ” deslocando ” essas vítimas indefesas . Hosono recebeu algumas das críticas mais duras de todos. Não dos jornais americanos , que esperavam o auto-sacrifício cavalheiresco de cavalheiros bem educados das classes média e alta, mas  do desprezo dos estrangeiros pela plebe  que viajava na terceira classe . Poucos jornais americanos  tiveram interesse na história de Hosono . Um deles comemorou a sorte do ” japanese Lucky boy. ”

SALVO . .. E CONDENADO

O ataque mais duro contra Hosono veio de seus próprios compatriotas . Pois ao sobreviver ao desastre do Titanic , ele tinha quebrado dois tabus culturais. Não só tinha escolhido a vida ignominiosa por uma morte honrosa , ele havia feito isso em público – em um navio de passageiros europeus com os olhos do mundo sobre ele . Hosono foi denunciado como um covarde pelos jornais japoneses e demitido de seu emprego no Ministério dos Transportes . O ministério recontratou-o , algumas semanas depois , mas sua carreira nunca mais se recuperou. Professores universitários o denunciaram como imoral  e ele estava nos livros didáticos japoneses como um homem que desgraçou seu país. Havia até mesmo chamadas públicas para ele cometer hara- kiri ( suicídio ritual)  como meio de salvar a honra .

Hosono nunca se matou , mas deve ter havido momentos em que  desejou ter morrido no Titanic . Ele nunca falou sobre a experiência de novo, e proibiu qualquer menção a ela em sua casa. Depois que ele morreu , em 1939 , um homem quebrado e esquecido , sua carta a sua mulher , escrita em que se acredita ser uma peça única dos sobreviventes do Titanic, ficou em uma gaveta até 1997, quando o filme de sucesso Titanic encenou sua estréia em Tokyo. Em seguida, o interesse do público japonês no solitário passageiro  foi renovado , desta vez com muito mais simpatia.

Fonte: Uncle John’s Unsinkable Bathroom Reader

Esse post foi publicado em Impressoes do Japão. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s