Vida no Subsolo

O alto preço dos terrenos forçou a construção de enormes centros comerciais subterrâneos.No caso de Nagoya chega a ligar bairros,um refugio para as intempéries.

CD661DED1CBE0CF369B7623EFF071
CRYSTA NAGAHORI – OSAKA  – Situada entre as estações de metrô Yotsubashi, Shinsaibashi e Nagahori, a cidade subterrânea  tem áreas diversificadas, que podem atender a todos os gostos, desde  quem quer dar apenas um passeio a amantes da gastronomia. A sensação de estar em ambientes confinados é amenizada pelos tetos de vidro, presentes em cerca de três quartos das construções da cidade, que permitem a entrada de luz natural.5EB94FED99DB8CE9D938E30E997E2DIAMOR OSAKA  – O hall central  é inteiro feito com pedras de mármore, que recebem luz natural vinda de seu teto de vidro, dando um ar elegante ao ambiente. As mulheres costumam adorar a cidade como um bom centro de compras ¬– cada ‘rua’ do lugar tem um tema diferente como fashion, casual, mercado e variedades. São cerca de 90 lojas que vendem uma grande variedade de roupas, maquiagens e acessórios femininos, um charme!

matsuyuki / Flickr

Alem desses Subterrâneos Osaka tem a Area central da Cidade toda coberta como um gigante Shopping ao Ar livre.Em Nagoya a área de Kamimaezu também tem toda a área protegida,so não protegem do vento gelado do Inverno.

18_6A National Diet Library  em Chiyoda City, Tokyo, tem mais livros do que qualquer outra biblioteca no Japão, cerca de 7,5 milhões de volumes. De acordo com o disposto na Lei ,  cada livro publicado no Japão deve ser depositado na biblioteca. A cada ano, 80.000 a 100.000 livros são adicionados à coleção.

Cerca de metade deste enorme coleção é armazenada em um anexo, que foi inaugurado em 1986. O anexo se estende cerca de 148 m de leste a oeste e 43 m de norte a sul. Ele tem 12 andares e oito deles estão no subsolo. A parte mais baixa do edifício esta 30 mts abaixo do nível do solo. Nos Storages, a temperatura é mantida a 22 ° C, a humidade a 55%, condições ideais para armazenar os livros. Como uma forma de evitar a infiltração de água ou excesso de umidade nas salas de estoque, não há banheiros abaixo do solo, e apenas um lugar para lavar as mãos.

Ao longo dos últimos anos, medidas estão sendo tomadas para gravar livros em microfilmes ou como dados digitais.

imagesCAQUCGB6O uso intenso de bicicletas também levou a construção de estacionamentos com sistemas de armazenamento totalmente eletrônico.japan-underground-bike-storage-parking-system-by-giken-318_7Uma espessa camada de pedra chamada oya-ishi (um tipo de lava vulcânica) está sob a cidade de Utsunomiya e seus arredores na Provincia de Tochigi, no norte de Kanto . Tem sido usado por séculos como  pedra de construção para paredes e fundações ,porque resiste a erosão e é à prova de fogo, mas  suave o suficiente para cortar facilmente. Na segunda metade do século 19, os mineiros desenvolveram maneiras de cavar profundamente na terra, seguindo a camada subterrânea . As pedreiras e minas antigas permanecem até hoje, muitos deles abandonados.

Uma das minas fechadas em 1986 depois de quase 70 anos em operação, foi reaberta como o OYA Stone Museu. A antiga mina é essencialmente uma enorme caverna com uma área medindo 20.000 metros quadrados. O piso encontra-se a 30 metros sob a terra.

O que impressiona além do enorme tamanho da mina e  como as pedras foram cortadas em formas geométricas e a atmosfera misteriosa da caverna. A caverna também é usado para exposições de arte, concertos e performances de teatro tradicional Noh e local para a gravação de filmes e programas de TV. Além disso, um salão do casamento, chamado Ishi no Kyokai (“A Igreja de Pedra”), foi construído lá em 1993. A antiga pedreira certamente tem muitas maneiras de atrair publico.

teca130312Outras são obras de drenagens em caso de Taifus,Armazenamento de Petróleo originado na Crise do Oriente Medio,etc.

17_517_3

Esse post foi publicado em Impressoes do Japão. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s