Estradas de Primeira

Percorro todo dia a rodovia 248 e a 26 que tem um limite de 50 km/ h, como a grande maioria das estradas e as vicinais são  limitadas a 40 km/h.Quem tem uma Ferrari so da para trafegar em primeira marcha.Isso explica o numero irrisorio de acidentes,alem das multas serem de alguns milhares de dolares e ate cadeia.Um colega correndo por um atalho no meio de um arrozal,não  acreditou quando foi autuado por um  policial de moto e quase perdeu a carteira.

O Metropolitan Police Department de Tokio colocou limites de 30 km/h em 37 areas da cidade inicialmente.Um dos motivos foi um atropelamento de uma criança em direção  a escola,ja que são  proibidas de serem levadas por adultos e corriam risco com o transito dos motoristas que tentam escapar dos engarrafamentos usando essas areas de escape menos utilizadas.

As rodovias são  impecaveis,pena que não  sejam como as Autobahn da Alemanha sem limite de velocidade.Ja vi Porsche da Policia próximo a Nagoya ,mas so as Hondas dos Shirobais já inibem qualquer corredor amador.

Uma rodovia em espiral para a cidade de Kamazu
A estrada Ihorazaka no outono com suas 48 curvas ,com as letras do alfabeto hiragana .


A estrada aberta para o Tateyama logo apos cada inverno nos Alpes japoneses.

Esse post foi publicado em Impressoes do Japão. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s