Gafes da aviação e Japão

 Quando um  instrutor meu da Vasp começou a  carreira,começavam a ser abertas novas rotas para o Norte e Nordeste  com os DC-3 e não  havia regulamentação  sobre a carga horaria de trabalho.
Ao chegarem numa cidadezinha do Norte para pernoite,o cte tinha combinado de tomarem uma cerveja numa chacara para comemorarem o seu primeiro voo.
Quando o mecanico transportava os 2  no Jeep para o povoado,ele adormeceu de cansaço e o mecanico aproveitou para passar na casa da mae .
Apos os 2 entrarem na casa ,ele acordou e pensando estar na chacara,entrou e deu um abraco na velha.deu a maior confusão .
 Aqui vi varias gafes, principalmente por desconhecimento da lingua.Um garoto brasileiro veio me dizer que o encarregado chamava Watashi Watanabe,mas watashi quer dizer eu.
Outro pisou no pe de  um funcionario e repetiu goman,goman o que deixou o japones espantado pq em vez de dizer gomen ainda pedia 50 mil yens para ele.
Mais um entrou num posto e o frentista perguntou se era Genkin-dinheiro e ele respondendo Genki Desu,que e estar bem e dezenas de outras.
A minha foi entrar num Kissaten-casa de cha e naqueles toilettes eletronicos em que tampa levanta sozinha,controla temperatura,jato de agua ,etc.Apertei o alarme de socorro,pensando em dar descarga , neste pais tem cada vez mais idosos…
Maior vexame quando a dona veio correndo  me socorrer ….
Esse post foi publicado em Historias da Aviação, Impressoes do Japão, VASP. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s